Activa ID | Indústria 4.0


Indústria 4.0

A Era da internet industrial e a Indústria 4.0 já estão moldando o futuro.

Você já ouviu falar em Indústria 4.0? Se esse é um termo novo para você, talvez deveríamos primeiro falar sobre os impactos da Revolução Industrial na Era Tecnológica.

 

Mas, o que uma coisa tem a ver com a outra? Simplesmente tudo!

Como você já deve saber, a Revolução Industrial marcou a época da chegada de grandes indústrias no mundo. Essa chegada revolucionou os processos de manufatura em meados dos anos de 1840 e transformou a vida das pessoas.

Desde então, houve um grande acesso da população urbana à novos produtos e, consequentemente, uma migração massiva para as grandes cidades.

 

Até aqui, tudo entendido. Mas, e a tal da Indústria 4.0? Calma. Vamos por partes.

 

O surgimento da Internet Industrial

Felizmente, todo esse desenvolvimento industrial favoreceu a invenção da internet que, por sua vez, revolucionou o acesso à informação e o relacionamento entre as pessoas em todo o mundo.

Hoje em dia, vivemos no que chamamos de revolução tecnológica. Essa revolução chegou de forma global e prometeu transformar (mais uma vez) o funcionamento do mundo. O resultado dessa transformação foi o crescimento econômico dos países, oportunidades de empregos qualificados e aumento nos padrões de vida.

 

A Internet Industrial começou assim. Ela une máquinas inteligentes, análises computacionais avançadas e prioriza o trabalho colaborativo entre pessoas conectadas.


            

Afinal, o que é a Indústria 4.0?

O termo começou a ser apresentado ao público no ano de 2011, em uma das edições da Feira de Hannover, considerada o principal evento do mundo no que se refere à tecnologia industrial.

 

A Indústria 4.0 propõe uma grande ruptura nos paradigmas que giram em torno das operações das fábricas atualmente. Esse posicionamento é fortemente incentivado especialmente pelo governo alemão junto à grandes empresas, universidades e centros de pesquisas do país.

 

O conceito que cerca a Indústria 4.0 defende que é preciso haver a descentralização do controle dos processos produtivos e uma expansão de dispositivos inteligentes que atuem de forma integrada. O ideal é que essa integração seja implantada na cadeia de produção e logística por completo.

Indústria 4.0: expectativa X realidade

Com a Indústria 4.0, espera-se que a produtividade industrial se assemelhe ao que houve com o surgimento da internet em outros ramos. Como por exemplo, podemos citar a evolução do comércio eletrônico, processos bancários e, principalmente, a comunicação interpessoal.

Tornar a Indústria 4.0 realidade é possível. Apesar disso, nada é feito de um dia para outro. Para que esse conceito se torne de fato real, é preciso uma adoção gradativa de diversas tecnologias provenientes da Tecnologia da Informação e da Automação Industrial.

Além disso, é necessário também a formação de um sistema completo que permita uma grande digitalização de informações e que possibilite a comunicação direta entre sistemas, máquinas, produtos e pessoas (processo chamado de Internet das Coisas).

Com essas mudanças, aos poucos será possível gerar ambientes de trabalho industriais cada vez mais flexíveis e adequados à crescente demanda por produtos altamente segmentados.

A peça chave para o sucesso da Indústria 4.0

As mudanças propostas pela Indústria 4.0 podem parecer, a princípio, algo simples de se fazer. Apesar disso, outro elemento chave precisa ser incluído nesse cenário.

Estudiosos afirmam que o sucesso da Indústria 4.0 irá depender da consolidação de um único conjunto de padrões técnicos de comunicação e segurança.

Somente esses padrões poderão fazer com que a troca de informações entre os diferentes tipos de sistemas seja assegurada. Dessa forma, poderão ser eliminadas as restrições relacionadas aos padrões proprietários vigentes.

Em outras palavras, esse conjunto de padrões irá marcar um novo período da revolução industrial. Ou seja, a criação de fábricas inteligentes onde as mudanças acompanharão as novas formas de manufatura dos produtos.

 

O resultado de todo esse processo será o desenvolvimento dos mais diversos setores do mercado global. 

 

A Indústria 4.0 no Brasil

Segundo alguns especialistas da área, a indústria brasileira ainda está passando por uma fase de transição.

Para que você possa entender melhor, pense o seguinte: atualmente o Brasil está na transição do que seria a Indústria 2.0, caracterizada pela utilização de linhas de montagem e energia elétrica, para a Indústria 3.0, que aplica automação por meio da eletrônica, robótica e programação.

 

Sendo assim, para alcançarmos a Indústria 4.0, ainda precisaríamos instalar cerca de 165.000 robôs industriais para nos aproximarmos da média global. Mas, no ritmo em que estamos, poderíamos levar mais de cem anos para alcançar esse patamar.

Princípios e pilares da Indústria 4.0

O desenvolvimento da Indústria 4.0 e toda sua base tecnológica partem de alguns princípios e pilares básicos. Basicamente, os pilares são chamados de Internet das Coisas e Big Data.

A Internet das Coisas trabalha com a premissa de conexão entre objetos físicos, ambientes, e máquinas à rede global de computadores. Com essa conexão, é possível realizar a coleta e a troca de dados entre todos esses itens.

Por outro lado, o Big Data é responsável por descrever o volume dos dados coletados e armazenados por softwares. No contexto da Indústria 4.0, o Big Data é aplicado na qualificação desses dados, transformando-os em informações relevantes para um negócio.

Além desses pilares, a Indústria 4.0 traz consigo cinco princípios essenciais. São eles:

Ø  Capacidade de operação instantânea: é o tratamento instantâneo de dados que permite a tomada de decisões em tempo real. 

Ø  Virtualização: é a criação de uma cópia virtual da fábrica que permite o monitoramento remoto de todos os processos da cadeia de produção. 

Ø  Descentralização: é o aprimoramento dos processos de produção por meio da descentralização da tomada de decisões.

Ø  Orientação a serviços: é o uso de arquiteturas de softwares direcionadas aos serviços.

Ø  Modularidade: é a produção baseada sob demanda que permite maior flexibilidade na alteração de tarefas previstas para as máquinas.

 

 

A Indústria 4.0 representa um grande avanço na tecnologia industrial. Com tantos benefícios que esse desenvolvimento pode trazer, é nosso papel nos empenharmos no desenvolvimento de novos processos e sistemas. Tenha em mente que a Era da Internet Industrial e a Indústria 4.0 já estão moldando o futuro, por isso, é essencial estar alinhado à essa tendência. 

 
LOCALIZAÇÃO
Rua Perucaba, 121
Tatuapé - São Paulo-SP Cep: 03409-010
Central de Atendimento: +55 (11) 3279-3000
CONTATOS

 (11) 3279-3000
 contato@activa-id.com.br

MODERN CONNECT

 rfid.ind
 +55 (11) 98963.2365